Ano Novo

ANO NOVO

Bendito seja Deus pelo Novo Ano que vamos iniciar nesta noite sob o olhar e a proteção de Maria. Precisamos renovar nossos desejos de Paz, embora ela nos pareça um dom, cada vez mais distante. Temos que acreditar que a Paz é possível e depende de cada um de nós.
O Papa nos diz que a pessoa humana é o coração da paz. Mas, nossa fé em Jesus nos ajuda a não perder nunca a esperança. Por isso, carregamos nas mãos e no coração a Bandeira da Paz, a certeza de dias melhores não porque Deus quer, mas porque nós estamos dispostos a dar uma coração efetiva e afetiva. E isso não depende de nossa palavra, mas de nossa ação concreta e real.
O nascimento de Jesus precisa sempre ser lembrado com o sentimento do Ser e não do Ter. A estrela de Belém que guiou os Sábios do Oriente brilhe em nosso caminho trazendo a Paz. Que as lágrimas derramadas neste ano sirvam para regar a semente de bondade, de amor e de perdão, para fazer gerar a semente da generosidade.
Já iniciamos a jornada de número 2007 do ano do nascimento de Jesus Cristo. Nossa vida é uma viagem. Estamos aqui de passagem. A vida é curta e o tempo passa depressa. Não damos conta das tarefas que precisamos realizar.
Mais um ano está terminando. É mais um ano de minha vida e de nossa vida! Estamos virando mais uma página. O que fizemos já está feito. O que não fizemos não poderá ser feito. Decisões foram tomadas, compromissos fora assumidos. Como vivemos este ano?
Se pudéssemos passar numa peneira, no liquidificador, o que sobraria? Qual seria o extrato do nosso ano? Por tudo o que lutamos e gastamos energias, o que mais nos ocupou em cada dia e colocamos em primeiro lugar?
Algumas respostas a essas perguntas talvez o deixe triste por ter vivido tão pouco o tudo do que gostaria de viver. Por não ter colocado em primeiro lugar o Ser Humano: seu esposo, sua esposa, seus filhos, a espiritualidade, ou aqueles que fazem parte de seu relacionamento diário.
Agora precisamos aproveitar esse Novo Ano que se inicia para buscar o jeito de viver de Jesus de Nazaré. Buscar coisas novas: não estou falando em casa nova, carro novo, bens materiais ou pessoas.
Estou falando em vida que brota de dentro para fora. Não se trata de mudar o que está fora, mas mudar e transformar o que está dentro que é o mais difícil.
Estou falando da Vida que fará toda a diferença. E que poderá ser avaliada no final do próximo ano e trazer aquela alegria de quem realmente viveu bem, construindo seu próprio Ser Pessoa. Ser Pessoa como Jesus o foi e viveu.
Está escrito: “Todo aquele que nele crer terá a vida eterna” (Jo.3,15). Para ter a Vida Nova, basta crer. Isso significa assumir um compromisso pessoal e definitivo com Jesus, entregando tudo o que você foi, é e será, para que Ele possa controlar e dirigir. Ele é a Verdade. Ele é o Caminho. Ele é a Vida.
Você pode firmar um pacto de vida com Ele e declarar a sua falência, pedindo que Ele assuma o controle de sua vida e lhe dê Vida Plena. Jesus é a resposta para todas as perguntas. Nada melhor que terminarmos mais um ano com respostas para variar.
Meu desejo é que você encontre com o melhor de Deus para sua vida e que tenha coragem de assumir esse compromisso com Ele. Desejo para todos a sabedoria.
FELIZ ANO NOVO!

CURSO DO CAFA – Formação de Ministros de comunhão
Arquidiocese de Campinas